sábado, 19 de junho de 2010

Até sempre!




Correram assim os rios, quatro estações pontuais por ano, que essas estão certas, mesmo variando. A grande paciência do tempo, e outra, não menor, do dinheiro, que, tirante o homem, é a mais constante de todas as medidas, mesmo como as estações variando. De cada vez, sabemos, foi o homem comprado e vendido.

Levantado do Chão


Ricardo Reis sentiu humedecerem-se-lhe os olhos, ainda há quem diga mal dos médicos, que por estarem acostumados a ver doenças e infelicidaddes levam empedernidos os corações, veja-se este que desmente a asserção, talvez por ser poeta, embora de espécie céptica, como se tem visto.

O Ano da Morte de Ricardo Reis


... e dos países do Norte navios inteiros carregados de tabuado para andaimes, telheiros e casas de acomodação, e cordas e amarras para os cabrestantes e roldanas, e do Brasil pranchas de angelim incontáveis, para as portas, e janelas do convento, para o solho das celas, dormitórios, refeitório e mais dependências, incluindo as grades dos espulgadoiros, por ser incorrompível, madeira, não como este rachante pinho português, que só serve para ferver as panelas e sentar-se nele gente de pouco peso e aliviada de algibeiras.


Tudo no mundo está dando respostas, o que demora é o tempo das perguntas.

Memorial do Convento


Então a Península Ibérica moveu-se um pouco mais, um metro, dois metros, a experimentar a força.

A Jangada de Pedra


Mas primeiro é preciso limpar esta cidade dos ímpios católicos e dos luteranos rebeldes.

A mim anabaptistas! Juntai na praça quantos, papistas ou protestantes, recusaram o baptismo novo, expulsemo-los como a cães danados.

Antes que a ira de Deus desça do céu e os queime a todos, e também a nós por nos mostrarmos compassivos e tolerantes.

In Nomine Dei


Se cumprires bem o teu papel, isto é, o papel que te reservei no meu plano, estou certíssimo de que em pouco mais de meia dúzia de séculos, embora tendo que lutar, eu e tu, com muitas contrariedades, passarei de deus dos hebreus a deus dos que chamaremos católicos, à grega, E qual foi o papel que me destinaste no teu plano, O de mártir, meu filho, o de vítima, que é o que há de melhor para fazer espalhar uma crença e afervorar uma fé.

O Evangelho segundo Jesus Cristo


A distribuição das tarefas pelo conjunto dos funcionários satisfaz uma regra simples, a de que os elementos de cada categoria têm o dever de executar todo o trabalho que lhe seja possível, de modo que só uma mínima parte dele tenha que passar à categoria seguinte.

Todos os Nomes


Se tivesses descido comigo compreenderias, ..., Não é fácil deixar-se de ideias depois de ter visto o que eu vi, Que viu, quem são essas pessoas, Essas pessoas somos nós, ...

A Caverna


..., mas naquele momento foi tão intensa a sua impressão de solidão, tão insuportável, que lhe paraceu que só poderia ser mitigada na estranha sede com que o cão lhe bebia as lágrimas.

Ensaio sobre a Cegueira


A comunicação foi breve, Fala o presidente da mesa da assembleia de voto número quatorze, estou muito preocupado, algo francamente estranho está a acontecer aqui, até este momento não apareceu um único eleitor a votar ...

Ensaio sobre a Lucidez


No dia seguinte ninguém morreu. O facto, por absolutamente contrário às normas da vida, causou nos espíritos uma perturbação enorme ...

As Intermitências da Morte


... a única decisão séria que será necessário tomar no que respeita ao conhecimento da História, é se devemos ensiná-la de trás para diante ou, segundo a minha opinião, de diante para trás ...

O Homem Duplicado


Têm toda a razão os cépticos quando afirmam que a história da humanidade é uma interminável sucessão de ocasiões perdidas. Felizmente, graças à inesgotável generosidade da imaginação, cá vamos suprindo as faltas, preenchendo as lacunas o melhor que se pode, rompendo as passagens em becos sem saída e que sem saída irão continuar, inventando chaves para abrir portas orfãs de fechaduras ou que nunca a tiveram.

A Viagem do Elefante


Desesperado, o pobre homem tentou, sem resultado, tragar o bocado da maçã que o delatava, mas a voz não lhe saiu, nem para trás nem para diante. Responde, tornou a voz colérica do senhor, ao mesmo tempo que brandia ameaçadoramente o ceptro. Fazendo das tripas coração, consciente do feio que era pôr as culpas em outrem, adão disse, A mulher que tu me deste para viver comigo é que me deu do fruto dessa árvore e eu comi.

Caim


Compensação

Caminho de palavras vou abrindo,
Ao coração das coisas apontando.
Mas não me pesará o desencanto
Se, no ponto em que parar o meu arado,
Rombo na pedra que a morte houver lançado,
Puder ainda, com os ecos deste canto,
Já no coração das coisas afastado
Mover um coração, se valho tanto.

Os Poemas Possíveis



Orfeu B.

3 comentários:

Mafalda disse...

Parabéns, Orfeu - meu amigo de longa data - pela escolha de alguns trechos de Saramago que a memória do teu coração registou.

José Saramago conseguiu, através de uma escrita singular e revolucionária, tocar a essência da vida, abordar tantas questões próprias de quem está vivo e é sensível a esta malha que nos envolve e que nos dita os nossos caminhos... uma trama enigmática nascida, não se sabe como, de um Universo tão mágico.

"O Homem é um Mistério até ao dia da sua Morte"

Talvez este pensamento de Saramago tenha sido a alavanca primordial da sua Obra.
Um homem simples, mas genial, capaz de observar que o mundo tem muito mais coisas a dizer do que a nossa capacidade de as entender.
Uma curiosidade de criança capaz de escutar a linguagem do invisível e de, tão sabiamente, transcrever para o papel toda a trama que o seu Imaginal foi capaz de constituir.

Despeço-me citando dois momentos de uma confabulação onírica fantástica e tão real na vida de cada um de nós, momentos de inquietação, dúvida, desorientação e não compreensão da Verdade, não a nossa verdade, ou a verdade do outro, mas a VERDADE ainda por desvendar:

"... sentia-se como alguém que mais ou menos, só mais ou menos, sabe onde está, mas não aonde se dirige. Este lugar, apenas para dar um exemplo das dificuldades de orientação que caim vem enfrentando, tinha todo o aspecto de ser um presente há muito passado, como se o mundo ainda se encontrasse nas últimas fases de construção e tudo tivesse um aspecto provisório..." - CAIM

".... Jesus morre, morre … então Jesus compreendeu que viera trazido ao engano como se leva o cordeiro ao sacrifício, que a sua vida fora traçada para morrer assim desde o principio dos princípios … Depois, foi morrendo no meio de um sonho, estava em Nazaré e ouvia o pai dizer-lhe, encolhendo os ombros e sorrindo também, Nem eu posso fazer-te todas as perguntas, nem tu podes dar-me todas as respostas…” – O EVANGELHO SEGUNDO JESUS CRISTO

Até Sempre!

Mafalda Rufino

horacio disse...

" sempre chegamos ao sitio aonde nos esperam " o Livro dos Itiner
ários.

Mafalda disse...

É uma grande Verdade, meu querido e sábio PAI Horácio!